4 de setembro de 2008

A Morte !!!

Quando nascemos, ao darmos nosso primeiro suspiro e ao chorarmos com toda força dos nossos pulmões, naquele instante, um destino já está sendo selado: um dia aquela vida dará lugar à morte.
O nascimento se caracteriza pelos sentimentos de esperança de uma nova vida produtiva, mas o destino final dessa nova vida, todos sabemos que é a morte.Prematura ou por velhice? Ninguém sabe, mas a única certeza que temos após o primeiro minuto de vida é que um dia iremos morrer, nada mais além disso.
A morte não é encarada como algo natural pela sociedade, quase sempre é tachada de assunto proibido para muitas famílias, porém quando ela bate na porta destas famílias o sofrimento é muito maior, pois as mesmas não sabem lidar com a nova situação por terem vivido até então como se o assunto não existisse, ou seja, viviam na ilusão, sem encarar a realidade.
É nesse aspecto que podemos observar que é preciso uma melhor explicação por parte dos líderes religiosos e espirituais, o ser humano vive alienado por ídeias e crenças fanáticas providas da religião que frequentam, que na maioria das vezes, mostra somente que há dois lados depois da morte: o céu e o inferno.Ora, vemos no mundo inteiro e diariamente pessoas sofrendo todos os tipos de dores físicas e espirituais, vivendo muitas vezes na pior miséria e sem nenhum apoio ou mesmo até sem família, então como podemos pensar e aceitar que é depois da morte que existe o inferno? Para essas pessoas sofredoras, o que elas vivem já ultrapassa do que é chamado de inferno.
A morte é um destino que todos devem ter consciência, entretanto há muitas pessoas que preferem viver na ilusão da vida eterna, tanto que fazem e usam todos os produtos que conhecem para retardar o envelhecimento natural, sendo que o corpo é só um objeto que dispomos enquanto estamos aqui, o que realmente vale é o aprendizado que a nossa alma vai ter.
Para definir a morte é utilizado muitas vezes os adjetivos mau e vilão, contudo, não é assim que deve ser encarada a morte, sempre haverá um lado bom, o que geralmente não vemos, nas coisas amargas que acontecem nas nossas vidas.
Poderia também definir que a morte é a eterna separadora de pessoas que se amam, mas se conseguirmos enxergar além da nossa dor de perder uma pessoa amada, o sofrimento pode dar lugar ao alívio e a esperança de se tornar a ver aquela pessoa querida.
Alívio, pois, se essa pessoa querida estiver doente e internada em cama de hospital, com todo tipo de dores, não vale a pena ficar sofrendo, porque será um alívio para todos saberem que ela descansa em paz. E esperança de acreditar que a morte do corpo não é o fim, temos um ser dentro de nosso corpo, que sempre existirá em qualquer parte do mundo.


Letícia Iambasso

2 comentários:

fernando disse...

A morte é um destino que todos devem ter consciência, entretanto há muitas pessoas que preferem viver na ilusão da vida eterna,


Nossa me vi bem neste seu texto, voçê esta indo muito bem no seu sonho tomara que voçê consiga.
bom pelo menos vou tentar sempre acompanhar as suas obras.
bjo e boa sorte

Sobre todas as partes de mim disse...

O fim é belo, depende de como você vê. Um novo universo. A fé que você deposita em você e só.